Ontem, na segunda feira (12), um jovem de 17 anos do grupo “periferia antifascista” se deparou com um idoso de 65 anos que usava uma camiseta de apoio ao pré-candidato Jair Bolsonaro. O jovem iniciou uma discussão e gritou frases como “Velho facista!” . A discussão se prolongou e culminou em um violento ataque por parte do jovem. O membro do grupo “antifascista” golpeou o idoso no rosto, criando fortes hematomas.

Quando a polícia chegou,o jovem afirmou que estava lutando contra o “fascismo” e a “supremacia branca” e que às vezes a violência é necessária para isso. Grupos de direitos humanos se manifestaram a favor do rapaz, dizendo que ele ainda é muito jovem e não tem maturidade para saber as consequências de seus atos, é apenas uma vítima de uma sociedade opressora.

Redatores: Guilherme Marques e Eduardo Alb




ATENÇÃO: Essa notícia possui caráter ficcional, com finalidade única de entretenimento. Nada contido aqui deve ser levado enquanto verdade, qualquer semelhança com a realidade é mera coincidência.