Os correios irão aderir à greve em cerca de 22 estados e no Distrito Federal. A notícia foi recebida com surpresa pelo brasileiro [Afinal achávamos que eles sempre estiveram em greve].

Os funcionários reclamam direitos trabalhistas, reajuste salarial e protestam contra a privatização da estatal [afinal se for privada eles terão que trabalhar, realmente um absurdo].

Ao receber a notícia, o brasileiro teve sua paciência extraviada para Curitiba, e protestos pela privatização aumentaram durante a semana. A busca por “carteiros de f**endo” aumentou drasticamente no google, levando a imagens como esta:

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here